24 de jan de 2007

Resultado: Melhor Filme Policial de 2006

Votações encerradas para "O Melhor Filme Policial de 2006"...
And the winner is:

OS INFILTRADOS


Ficha Técnica:
(The Departed, EUA, 2006)
Policial/ Suspense
Direção: Martin Scorsese
Roteiro de William Monaham baseado na trilogia de filmes de Hong Kong `Infernal Affairs` (Wu jian dao), do diretor Wai Keung Lau. Produzido por Martin Scorsese, Jennifer Aniston, Brad Grey, Graham King e Brad Pitt para a Plan B, Vertigo Entertainment. Elenco: Leonardo DiCaprio (Billy Costigan), Matt Damon (Colin Sullivan), Jack Nicholson (Frank Costello), Martin Sheen (Queenan), Vera Farmiga (Madeleine), Mark Wahlberg (Dignam), Anthony Anderson (Brown), Ray Winstone (Mr. French), Alec Baldwin (Ellerby), John Cenatiempo (Guinea), Lyman Chen (Robert Yan), Kevin Corrigan (Sobrinho de Billy), Buddy Dolan (Sean), Shay Duffin (Jimmy), Zachary Pauliks (Billy jovem), David O'Hara (Fitzy), Robert Wahlberg (Joyce).
Estréia: 10/11/2006.
Sinopse: Frank Costello dizia que ele não era um produto do ambiente em que vivia; o ambiente em que ele vivia é que era um produto dele. Costello comanda da rua L, em South Boston, uma gangue de irlandeses ligados ao tráfico de drogas e a outras contravenções num bairro de comerciantes italianos. Costello conhece praticamente todas as famílias de South Boston, e por isso identificou logo o filho de Johnny Sullivan, Colin, quando o encontrou numa lanchonete comendo batatas fritas. Collin é coroinha na igreja local e ao aproximar-se de Frank Costello para "ganhar alguns trocados" acaba tornando-se seu protegido. Costello financia os estudos de Collin, que entra na Academia Militar e se torna um policial, é promovido a detetive e em pouco tempo é integrado a uma Unidade de Elite que tem por objetivo capturar, entre outros chefões do crime organizado, ninguém menos que... Frank Costello.
Collin, apesar de ganhar a confiança do Chefe da Divisão Ellerby, encarregado de capturar Costello, mantém contato constante com o seu "padrinho", através de um telefone celular em que os passos da polícia no encalço do criminoso são todos informados.
Enquanto isso o recém formado policial Billy Costigan é chamado para uma conversa com os agentes Queenan e Dignam, que questionam a decisão de Billy em entrar para a carreira militar, já que a família Costigan tem vários membros com antecedentes criminais registrados em South Boston, incluindo o tio de Billy, Jackie Costigan, ligado a Frank Costello. Billy só tem uma opção para continuar na Polícia: aceitar trabalhar em uma missão especial: infiltrar-se no crime organizado para informar para os tiras os locais e os acordos de negociação de drogas e contrabandos. Para isso, Queenan e Dignam providenciam uma "ficha suja" para o rapaz, simulando sua expulsão do Departamento por agressão e sua detenção. Após cumprir pena de 4 meses, Billy sai em liberdade condicional e vai procurar sua tia e seu primo em South Boston e começa a arranjar todo tipo de confusão em bares e mercearias do bairro com negociantes de propina, chamando a atenção de Mr. French, o leal braço direito de Frank Costello. Billy passa a trabalhar com Mr. French e aos poucos conquista a confiança de Costello. Os únicos contatos de Billy que sabem de sua verdadeira identidade são Queenan, Dignam e Madolyn, a psicóloga do Departamento de Polícia. Como está em liberdade condicional Billy precisa visitá-la mensalmente. Madolyn namora Collin Sullivan.
Informações começam a ser transferidas de lado a lado e tanto o Chefe Ellerby, por um lado, quanto Frank Costello, por outro, querem saber quem é que está "Infiltrado" entre seus comandados. Ellerby destaca Collin Sullivan para a missão de descobrir quem é o informante de Frank Costello dentro da Polícia (ou seja, "descobrir" a si mesmo) enquanto Costello pede para Mr. French fazer um levantamento de dados de seus "Cidadãos" (Citizens) pedindo para cada um colocar em uma ficha seu nome completo, número de identidade, número do seguro social e número da conta bancária.
Com o passar do tempo a pressão aumenta e torna-se desesperadora: Collin e Billy precisam manter a confiança de seus superiores falsos e verdadeiros e ao mesmo tempo descobrir quem é o "infiltrado" que está do lado oposto ao seu e não ter descoberta a sua verdadeira identidade.
Bastidores: -Indicado ao Oscar 2007 nas categorias MELHOR FILME, MELHOR DIREÇÃO (Martin Scorsese), MELHOR ATOR COADJUVANTE (Mark Whalberg), MELHOR ROTEIRO ADAPTADO e MELHOR MONTAGEM.
-Vencedor do Globo de Ouro 2007 na categoria Melhor Diretor (Martin Scorsese). Foi indicado também nas categorias Melhor Filme- Drama, Melhor Ator- Drama (Leonardo Di Caprio), Melhor Ator Coadjuvante (Jack Nicholson e Mark Wahlberg) e Melhor Roteiro (William Monahan).
-No filme Conflitos Internos (Hong Kong, 2002), que deu origem ao roteiro de Os Infiltrados, Tony Leung interpreta Chan Wing "Yan" e Andy Lau interpreta "Lau" Kim Ming. "Yan" é o policial infiltrado na facção criminosa ligada ao tráfico de drogas e contrabandos liderada por Sam (Eric Tsang). "Lau" é o espião ("os olhos e ouvidos" de Sam) dentro da força policial. No início e no fim de Conflitos Internos há uma citação de um trecho do Nirvana Sutra Budista: "O pior dos Oito Infernos chama-se Inferno Contínuo, que significa Sofrimento Contínuo. Aquele que está no Inferno Contínuo nunca morre. A longevidade é uma grande punição no Inferno Contínuo." Conflitos Internos teve duas continuações, ambas de 2003: em Conflitos Internos 2 a história retrocede para mostrar a origem da rivalidade entre o supervisor de polícia Wong e o líder criminoso Sam e o início das carreiras de Lau na academia de polícia e de Yan na facção criminosa. Conflitos Internos 3 narra a continuidade da trajetória do policial Lau dez meses depois dos fatos mostrados no primeiro filme.

Agradecemos pelos votos...

Essa enquete foi publicada simultaneamente no Shintocine e no Prestreia

Nenhum comentário: